Cruella | Por que ela não gosta de dálmatas?

Cruella, filme estrelado por Emma Stone, foi vencedor do Oscar® de Melhor Figurino. O longa, que você pode curtir no Disney+, conta os primórdios da vilã que a maioria do público conheceu em 101 Dálmatas, o filme que traz a talentosa Glenn Close no papel de Cruella de Vil.

Embora em 101 Dálmatas, lançado em 1996, a malvada tente a todo custo ‘sequestrar’ filhotes de dálmatas para criar casacos ou acessórios de moda, em Cruella somos presenteados com as origens da doce Estella, bem antes de se tornar a implacável Cruella de Vil.

Cruella: como se explica sua obsessão por dálmatas no filme?
A obsessão de Cruella pelos dálmatas encontra uma explicação bastante lógica no filme de 2021. De qualquer forma, fica claro que, nesta versão interpretada por Emma Stone, o assassinato desses bichinhos nunca esteve nos planos da personagem.

Em um dado momento, Estella descobre que sua mãe adotiva morreu após ser atacada pelos três dálmatas. Os animais respondiam às ordens da Baronesa von Hellman (Emma Thompson). Como se isso não bastasse, também vem à tona a notícia de que a própria Baronesa é a mãe biológica da jovem.

Depois de saber que ela é sua verdadeira mãe e conhecer os crimes que cometeu no passado, a personagem sequestra os três cães da Baronesa como parte de seu plano de vingança, mas no final ela dá sinais de que gosta dos animais de estimação, e decide adotá-los.

Afinal, os vilões também têm coração e mostram suas emoções como qualquer outro personagem. Vale lembrar que no Disney+ você também pode curtir as histórias de outros grandes vilões, como é o caso de Malévola. Com informações de Disney

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!