Presos acusados de duplo homicídio no Padre Libério; motivo seria desavenças dentro da Penitenciária

No início da noite de sábado (07) a Polícia Militar registrou a ocorrência de um duplo homicídio, ocorrido na Avenida Ângelo Nogueira, bairro Padre Libério, em Pará de Minas. Faleceram um jovem de 23 anos e sua esposa de 21, com disparos de arma de fogo.

Logo após o crime, a Polícia Militar prendeu um dos autores do crime, de 22 anos, em um matagal nas proximidades, sendo apreendidas duas armas de fogo usadas no homicídio. No domingo (08) a PM prendeu o segundo autor, de 26 anos.

Na noite de sábado, os militares foram até o local averiguar informações de que haviam ocorrido disparos de arma de fogo no endereço, onde se depararam com as vítimas de 23 e 21 anos, deitadas na cama, já sem os sinais vitais e um menino de um ano e três meses de idade, apresentando um ferimento em uma das pernas, sendo socorrida pelos próprios policiais ao hospital Nossa Senhora da Conceição. Foi constatado pela equipe médica que o quadro da criança era estável, a princípio sem risco de vida, tendo sido atingida de raspão por um dos disparos.

Durante rastreamento, as equipes viram os dois suspeitos de terem cometido o crime, fugindo por um matagal nas proximidades do bairro Cecília Meireles, portando armas nas mãos e conseguiram abordar um deles, de 22 anos. As duas armas de fogo usadas no crime, sendo um revólver calibre .38 e uma pistola calibre 9mm, além de roupas usadas pela dupla no delito foram apreendidas.

O abordado confessou ter praticado o duplo homicídio, juntamente com o outro autor que fugiu do local da abordagem, de 26 anos e disse que o motivo foi devido a desavenças que teve com o jovem morto, quando ambos estiveram presos na Penitenciária Pio Canedo.

Os militares continuaram o rastreamento ao segundo suspeito do homicídio e conseguiram localizá-lo, na tarde de domingo (08) na casa de uma mulher de 27 anos, na Rua Antônio José Pinto, bairro Padre Libério.

O infrator de 26 anos confessou a participação no homicídio juntamente com o autor de 22 anos e que o motivo teria sido a atritos que teria tido com o jovem de 23, na Penitenciária.

Os dois autores do homicídio, de 22 e 26 anos foram presos e conduzidos à Delegacia, para onde também foi levada, presa, a autora de 27 que deu esconderijo a um dos autores. Há suspeitas de que os dois autores pertençam a uma organização criminosa envolvida no tráfico de drogas no bairro Padre Libério, chefiada por um infrator que está preso em uma penitenciária fora de Pará de Minas e que o crime possa ter relação com o tráfico.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!