Cruzeiro vence o Grêmio em BH e assume vice-liderança da Série B

O Cruzeiro recebeu o Grêmio em Belo Horizonte na tarde desta domingo (8). A partida válida pela sexta rodada, aconteceu no Estádio Independência. O Cruzeiro abriu o placar na primeira etapa. O gol aconteceu aos 26′, após Bidú cruzar rasteiro e a bola desviar no lateral Rodrigo Ferreira. Mesmo superado, o Tricolor segue entre os primeiros colocados da série B do Campeonato Brasileiro.

O primeiro tempo de partida iniciou disputado, com as duas equipes se conhecendo e trocando passes. Aos 7’, o Grêmio tentou a primeira finalização. Biel chutou forte, de fora da área, mas a bola acabou pegando no próprio companheiro de time, Diego Souza. Com 13’ minutos passados, mais uma tentativa Tricolor acabou ficando prensada, dessa vez na marcação cruzeirense. Biel, dentro da grande área, driblou a zaga adversária e acionou Rodrigo Ferreira na direita. O lateral dominou, chutou e a bola ficou na defesa.

A resposta do Cruzeiro veio aos 15’, mas sem perigo. Neto Moura chutou de longe, pegou mal na bola e ela foi pela linha de fundo. A partida também se caracterizava pelas faltas. Com menos de 20 minutos, Lucas Silva e Zé Ivaldo já estavam amarelados.

Foi em uma cobrança de falta que a equipe de Roger Machado fez o goleiro Rafael Cabral trabalhar. Diogo Barbosa cobrou aos 22’ e, no rebote, Rodrigo Ferreira arriscou de longe, fazendo o arqueiro defender. Com 24’ jogados, foi a vez da raposa cobrar uma falta perigosa. Bidú bateu no canto direito e Brenno fez uma bela defesa.

O goleiro gremista foi surpreendido aos 26’. Bidú cruzou rasteiro, a bola acabou desviando no lateral Rodrigo Ferreira e indo para o fundo das redes, marcando contra para o Cruzeiro. Passada meia hora de jogo, a finalização de Biel ficou novamente na defesa adversária: a bola sobrou para o atacante na entrada da grande área que chutou prensado na zaga. Nos minutos finais da primeira etapa, a partida voltou a ter mais troca de passes e poucas finalizações a gol.

Durante o intervalo, Roger Machado mexeu na equipe: Lucas Silva, amarelado, saiu para a entrada de Gabriel Silva. O Cruzeiro não realizou modificações, mas iniciou a etapa complementar levando perigo à Brenno. Com um minuto, Luvannor chutou cruzado. A bola passou por todo mundo e Bruno Alves desviou para escanteio.

A primeira finalização Tricolor no segundo tempo aconteceu com 4’ jogados. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Bitello, na entrada da grande área. O meia dominou, mas acabou batendo para fora. Aos 12’, a raposa realizou a primeira troca: Rômulo entrou na vaga de Geovane. Um minuto depois, Elias caiu dentro da área, em jogada individual, o atacante pediu pênalti no lance, mas o árbitro mandou a partida seguir.

O Grêmio passou a pressionar o adversário e, com 16’, Elias foi responsável pela melhor chance do jogo: o atacante chutou colocado, de fora da área, o arqueiro adversário tirou a bola com os olhos. A finalização passou raspando rente ao travessão. Um minuto depois, foi a vez de Diogo Barbosa tentar o empate. A bola sobrou para o lateral que chutou para o gol, de dentro da área. A tentativa acabou ficando na defesa do Cruzeiro.

A equipe do Cruzeiro realizou mais modificações. Aos 20’, Wagner Leonardo e Miticov entraram nos lugares de Zé Ivaldo e Luvannor. Quatro minutos depois, foi a vez de Roger Machado mexer na sua equipe: Elias e Diego Souza deram lugar para Janderson e Elkeson.

O Cruzeiro administrava o placar, enquanto o Tricolor tentava chegar ao ataque. A equipe gremista realizou mais trocas aos 32’. Ricardinho e Campaz entraram nas vagas de Biel e Bitello. O técnico cruzeirense, Paulo Pezzolano, também modificou o time: Edu e Bidú deram espaço para Waguininho e Rafael Santos.

Nos minutos finais, o Tricolor quase empatou a partida em duas oportunidades. Primeiro, aos 45’, a bola sobrou na área para Ricardinho. O atacante bateu e chutou por cima do gol. Já com 46’, Campaz perdeu a chance! No bate e rebate, a bola sobrou pro meia que chutou em cima do goleiro adversário. Final de jogo: Cruzeiro 1×0 Grêmio.

O próximo desafio da equipe de Roger Machado é na segunda-feira, 16, contra o Ituano, também fora de casa.

O Cruzeiro chegou aos 13 pontos, a mesma pontuação do Bahia, mas o time mineiro é segundo colocado pelos critérios de desempate. O Cruzeiro joga novamente pela Série B no próximo domingo (15) contra o Náutico em Recife. Com informações do Grêmio

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!