Galo goleia o Boa e disputará a 13ª final consecutiva do Mineiro

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Atlético disputará a decisão do Campeonato Mineiro pela 13ª vez seguida. Na tarde deste domingo, o Galo garantiu vaga na final ao golear o Boa Esporte por 5 a 0, no Mineirão, no jogo de volta da semifinal.

Luan, Elias, Geuvânio, Vinicius e Victor (contra) foram os artilheiros da tarde no Gigante da Pampulha. No jogo de ida, em Varginha, houve empate sem gols.

O adversário na decisão será o Cruzeiro. Como fez a melhor a melhor campanha na fase classificatória do Estadual, o Atlético tem a vantagem de jogar por dois resultados iguais para ficar com o título.

O primeiro jogo da final será disputado no próximo domingo, às 16h, no Mineirão.

Antes, quarta-feira, o Galo enfrentará o Cerro Porteño, no Paraguai. A partida acontecerá às 19h15, no estádio General Pablo Rojas, em Assunção.

O JOGO

O Atlético esteve próximo de abrir o placar logo aos cinco minutos, quando Cazares cobrou escanteio pela direita e Réver cabeceou por cima do gol. Três minutos mais tarde, Cazares cruzou pela esquerda e Fábio Santos tentou o cabeceio, mas conseguiu apenas resvalar na bola.

Aos dez minutos, Fábio Santos recebeu passe de Luan e cruzou na medida para Ricardo Oliveira, que se antecipou ao zagueiro e cabeceou para fora, rente à trave.

Ricardo Oliveira tabelou com Fábio Santos na grande área pela esquerda, aos 17 minutos, mas a finalização do camisa 9 desviou no zagueiro. Cazares cobrou o escanteio pela esquerda e Luan, na segunda trave, completou para o gol, mas o árbitro anulo o lance após consultar o VAR.

Aos 24, Cazares cobrou falta da intermediária, Ricardo Oliveira desviou de cabeça e Luan, novamente na segunda trave, completou para o gol, lance confirmado pela arbitragem: Galo 1 x 0.

O Atlético ampliou a vantagem aos 40 minutos, em belo gol de Elias. Em rápido contra-ataque, Cazares recebeu lançamento de Geuvânio, tocou para Elias e o camisa 7 tabelou com Ricardo Oliveira antes de tocar para o gol: Galo 2 x 0.

Ricardo Oliveira quase ampliou aos 47, quando recebeu ótima enfiada de bola de Cazares e concluiu para a defesa do goleiro Renan Rocha.

Aos 48 minutos, Cazares cruzou pela esquerda e o zagueiro Victor fez gol contra de cabeça: Galo 3 x 0.

SEGUNDO TEMPO

Logo com um minuto e 50 segundos, Geuvânio aproveitou falha da defesa do Boa, invadiu a área e tocou na saída do goleiro para fazer Galo 4 a 0.

Aos sete minutos, Réver e Cazares foram substituídos por Leonardo Silva e Vinicius, respectivamente.

Completando 400 jogos com a camisa alvinegra, Victor fez boa defesa, aos oito minutos, em chute cruzado de Gindré.

Luan cabeceou por cima do gol, aos 13 minutos, após cobrança de escanteio de Vinicius pela direita. No minuto seguinte, Ricardo Oliveira recebeu passe de Luan e foi travado na hora do arremate. O camisa 9 tentou outra finalização logo depois e, desta vez, o chute foi para fora.

Aos 23, Luan deixou o campo para a entrada de Chará, que acertou o travessão, aos 26 minutos. Em seguida, aos 28, o Atlético chegou ao quinto gol em outra bela jogada de contra-ataque. Chará iniciou a jogada em arrancada pelo meio, tocou para Ricardo Oliveira e recebeu a devolução, tocou no meio para Elias e o camisa 7 deu ótimo passe para Vinicius tocar para o gol: Galo 5 x 0.

Chará quase fez o sexto gol aos 34 minutos, quando recebeu ótimo passe de Vinicius e chutou cruzado para fora. Em seguida, após escanteio pela direita, Leonardo Silva cabeceou por cima do gol.

Aos 39, depois de boa jogada de Geuvânio, Ricardo Oliveira driblou o goleiro e tocou pra o gol, mas o defensor do Boa impediu o sexto gol atleticano. Aos 42, Chará recebeu passe de Geuvânio e tentou toque por cobertura, mas a bola ficou com o goleiro Renan.

O Galo continuou indo para cima e Vinicius exigiu boa defesa de Renan, aos 44, em chute de fora da área, naquele que foi o último lance de perigo da partida.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO 5 x 0 BOA

Competição: Campeonato Mineiro
Etapa: semifinal (volta)
Data: 07/04/2019
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte
Gols: Luan (24’/1ºT), Elias (40’/1ºT), Victor (47’/1ºT), Geuvânio (1’/2ºT), Vinicius (28’/2ºT)
Público: 44.981
Renda: R$436.456,00

Equipe de arbitragem
Árbitro: Anderson Daronco
Assistentes: Bruno Boschilia e Felipe Alan Costa de Oliveira
4º Árbitro: Ronei Cândido Alves
Inspetor: Giulliano Bozzano
Árbitro de vídeo (VAR): Wagner do Nascimento Magalhães
Assistente (VAR): Ivan Carlos Bohn
Supervisor (VAR): Almir Alves de Mello
Quality Manager (VAR): Claudio Luis Silva de Freitas
Cartões amarelos: Réver (Atlético), César Sampaio (Boa)

Atlético
Victor; Guga, Réver (Leonardo Silva), Igor Rabello, Fábio Santos, Adilson, Elias, Luan (Chará), Cazares (Vinicius), Geuvânio e Ricardo Oliveira. Técnico: Levir Culpi.

Boa Esporte
Renan Rocha; Chiquinho, Fernando, Ferreira (Victor), Wenderson, César Sampaio, Gabriel Vieira (Dênis), Claudeci, Gindré (Jaime), Kaio e Gustavo Henrique. Técnico: Cesinha.
Com site do Atlético-MG

PUBLICIDADE
Don`t copy text!