Instituto Butantan promove Simpósio Internacional da CoronaVac

O Instituto Butantan realiza, nos dias 7, 8 e 9, seu 1° Simpósio Internacional da CoronaVac com o intuito de promover debates e ampliar a discussão a respeito da vacina produzida em parceria com a farmacêutica Sinovac. O evento irá ocorrer de forma online e contará com a participação de diversos palestrantes internacionais e nacionais.

Durante as palestras, será apresentado todo histórico do imunizante, desde as primeiras pesquisas até ser disponibilizado para a população. O processo de estudos clínicos realizado para garantir a excelência do desenvolvimento da vacina no Brasil e no mundo também será relatado pelos palestrantes.

Dentre os destaques do evento está a palestra de Yalling Hu, vice-presidente da Sinovac Life Science CO e responsável pelas operações de P&D sobre os dados científicos que basearam o processo de desenvolvimento da CoronaVac, desde o início das pesquisas de base. Outra fala de extrema importância será a do professor da Faculdade de Medicina na Universidad del Desarrollo e assessor do Ministério da Saúde do Chile, Rafael Araos, sobre os resultados dos estudos de eficácia da CoronaVac no Chile serão trazidos pelo infectologista.

“Um evento como esse é fundamental para que a comunidade científica envolvida no desenvolvimento e aplicação de vacinas possa compartilhar dados, processos de produção e conhecimentos adquiridos durante a pandemia”, afirma Dimas Covas, presidente do Instituto Butantan.

Os ensaios clínicos de fase 3 da CoronaVac no Brasil serão abordados pelo médico infectologista e professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo Esper Kallás. Já o professor Serhat Unal, da Hacettepe University, da Turquia, irá falar sobre os estudos clínicos de fase 3 realizados pelo país do Oriente Médio.

As descobertas e conclusões do Projeto S, estudo de efetividade realizado pelo Butantan no município de Serrana, no interior de São Paulo, também serão destaques no encontro internacional. O diretor geral do Hospital Estadual de Serrana, Marcos Borges, abordará a importância da metodologia pioneira do projeto, que permitiu avaliar a efetividade de uma vacina contra Covid-19 durante a pandemia. Os estudos possibilitaram avaliar a circulação do vírus SARS-CoV-2, a transmissão entre os moradores e o número de casos graves após a imunização.

Serviço
CoronaVac Symposium – simpósio internacional sobre a CoronaVac
Dias: 7, 8 e 9 de dezembro
Horário: das 8h às 11h
Local: on-line
Inscrições: AQUI
Com informações da Assessoria de Comunicação do Instituto Butantan

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!