Com virada no Pacaembu, Galo avança na Copa do Brasil

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Atlético avançou para as quartas de final da Copa do Brasil ao vencer o Santos por 2 a 1, na noite desta quinta-feira, no Pacaembu, em São Paulo.

A noite na capital paulista foi dos estrangeiros, com o colombiano Chará fazendo os dois gols do Galo, em duas assistências do equatoriano Cazares.

No confronto de ida das oitavas de final, em Belo Horizonte, houve empate sem gols.

O Atlético volta a campo neste domingo para enfrentar novamente o Santos, desta vez na Vila Belmiro, pelo Brasileirão.

O adversário das quartas de final será conhecido nesta segunda-feira, em sorteio a ser realizado na sede da CBF, no Rio de Janeiro.

O JOGO

O Atlético foi ao ataque pela primeira vez no cruzamento de Patric pela direita, cortado pela zaga santista. Dois minutos depois, o time da casa abriu o placar com Gustavo Henrique, de cabeça, após cobrança de escanteio pela esquerda do ataque.

Patric tentou novo cruzamento pela direita, aos 14 minutos, e a defesa fez o corte pelo alto. Luan tentou enfiada de bola para Chará, aos 17 minutos, e o zagueiro afastou o perigo.

O Galo cresceu na partida, Patric mandou a bola para a área de cabeça, Cazares pegou a sobra na entrada da área e carimbou o defensor santista.

Luan sofreu falta pela direita, aos 21 minutos, Cazares cobrou na primeira trave e a zaga cortou para a linha de fundo. Cazares cobrou o escanteio e Chará, de primeira, exigiu boa defesa do goleiro Everson.

Aos 26, o goleiro santista saiu do gol para interceptar passe de Luan para Patric. No ataque seguinte, Réver de passe pelo alto para Chará, que foi travado pelo zagueiro.

Depois de contra-ataque puxado por Cazares e Luan, Elias arriscou de longa e a bola saiu à esquerda do gol.

O ímpeto atleticano foi premiado aos 36 minutos, quando Chará recebeu ótimo passe de Cazares na grande área e, quase sem ângulo, finalizou para igualar o marcador: 1 a 1.

Já nos acréscimos, Luan tentou enfiada de bola para Ricardo Oliveira, mas a defesa santista levou a melhor no lance.

SEGUNDO TEMPO

Aos dois minutos, o árbitro mostrou cartão vermelho para Zé Welison, mas, depois de consultar o VAR, anulou a expulsão e mostrou cartão amarelo para o volante atleticano.

Após cruzamento de Chará e corte parcial da defesa do Santos, Cazares tentou chute colocado da entrada da área, aos 14 minutos, e a bola saiu por cima o gol.

O Santos ameaçou na conclusão de Jean Lucas, à direita do gol de Victor. Aos 18, Zé Welison foi substituído por Adilson.

Ricardo Oliveira teve grande chance aos 20 minutos, quando recebeu passe de Cazares na grande área e finalizou em cima do goleiro. Em seguida, Ricardo Oliveira deixou o campo para a entrada de Alerrandro.

Aos 25, Luan chutou de fora da área, o goleiro deu rebote e Chará acabou adiantando a bola e permitindo o desarme do zagueiro. Em seguida, Chará cruzou pela esquerda e a defesa fez o corte pelo alto.

Geuvânio entrou em campo aos 3 minutos, no lugar de Luan. O Santos ameaçou no cabeceio de Veríssimo e a bola saiu à esquerda da meta defendida por Victor.

Aos 38 minutos, Alerrandro recebeu ótimo passe de Geuvânio em profundidade e foi travado pelo zagueiro. No minuto seguinte, em contra-ataque, Cazares cruzou rasteiro pela direita e Chará completou para o gol: Galo 2 x 1 e festa atleticana no Pacaembu.

Aos 44, Geuvânio chutou de fora da área e a bola saiu rente à trave.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 1 x 2 ATLÉTICO

Motivo: Copa do Brasil – Oitavas de final – Jogo de volta
Data: 06/06/2019 (quinta-feira)
Estádio: Pacaembu
Cidade: São Paulo (SP)
Gols: Gustavo Henrique (5’/1ºT), Chará (36’/1ºT)(38’/2ºT)
Público: 16.857
Renda: R$ 828.709,00

Cartões amarelos: Zé Welison, Adilson, Fábio Santos (Atlético); Lucas Veríssimo, Jean Lucas (Santos)

Equipe de arbitragem:
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (AB-RJ)
Árbitro Assistente 1: Luiz Claudio Regazone (AB-RJ)
Árbitro Assistente 2: Michael Correia (AB-RJ)
Quarto Árbitro: Pathrice Wallace Corrêa Maia (AB-RJ)
Árbitro de Vídeo: Rodrigo Nunes de Sá (CD-RJ)
Assistente de Árbitro de Vídeo 1: Carlos Eduardo Nunes Braga (CD-RJ)
Assistente de Árbitro de Vídeo 2: Diogo Carvalho Silva (AB-RJ)
Supervisor de Protocolo: Antônio Pereira da Silva (CBF-GO)

Santos
Everson, Lucas Veríssimo, Aguilar (Jean Mota), Gustavo Henrique, Victor Ferraz, Jean Lucas, Diego Pituca, Jorge, Carlos Sanchez (Soteldo), Marinho e Uribe (Eduardo Sacha). Técnico: Jorge Sampaoli

Atlético
Victor; Patric, Igor Rabello, Réver, Fábio Santos, Zé Welison (Adilson), Elias, Luan (Geuvânio), Cazares, Chará e Ricardo Oliveira (Alerrandro). Técnico: Rodrigo Santana.
Com site do Atlético-MG

PUBLICIDADE
Don`t copy text!