Ricardo Oliveira garante estar pronto para ser o novo goleador atleticano

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Garantindo estar preparado para o desafio de ser o novo goleador alvinegro, o atacante Ricardo Oliveira foi apresentado pelo Atlético na tarde desta quinta-feira, na Cidade do Galo.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

“Tenho minha parcela de responsabilidade dentro do elenco. A responsabilidade que tenho é essa, vestir a camisa 9 do Galo e ter que fazer os gols. Essa responsabilidade carrego há 17 anos de carreira profissional e acredito que tenha dado resultado em todos os clubes que passei. Sinto-me preparado para essa responsabilidade e tenho certeza que, com a ajuda de todos os companheiros, vai ser um ano de grandes conquistas para todos nós”, afirmou o novo reforço atleticano.

A apresentação do atacante foi feita pelo diretor de futebol Alexandre Gallo, que elogiou o profissionalismo do atleta.

“O Ricardo é uma pessoa que sempre admirei muito, sempre fui fã de seu desempenho. É um atleta que sempre exerceu uma liderança muito grande em todos os clubes que passou e a gente que trabalha no futebol sabe o profissional que ele é. Então, é uma honra apresentar para a torcida o nosso novo centroavante”, disse Alexandre Gallo.

Ricardo Oliveira garantiu que chega bastante motivado para o desafio de comandar o ataque do Atlético e corresponder às expectativas da torcida.

“Quero manifestar minha felicidade de vestir a camisa do Galo. Fico honrado de poder acrescentar, em meu currículo profissional, o Atlético, que é um time de massa, que contagiou todo o Brasil com aquele famoso grito do seu torcedor, o ‘Eu acredito’. Joguei contra e sei como é bom ter uma torcida dessa do seu lado. Acredito muito também que as coisas não acontecem por acaso. Em 2001, o Alexandre Kalil tentou me trazer para o Atlético quando eu estava surgindo na Portuguesa, ainda muito jovem, mas não foi possível naquele momento. No ano de 2014, conversei com o Maluf, o Atlético estava no Mundial e eu também tinha um amigo que jogava aqui, mas, infelizmente, os árabes não me liberaram. Já é um namoro de muitos anos e, com o término do meu contrato com o Santos, recebi esse convite do Gallo e do presidente Sérgio e fiquei muito feliz”, destacou.

O atacante afirmou que gosta de desafios e que, para ele, toda mudança gera muita esperança.

“A comodidade nunca foi algo que me fascinou. Gosto de desafios e sei dos desafios que terei aqui no Atlético. Sei que é uma torcida exigente e acho que isso é bom. O futebol é um esporte de alto rendimento e existe cobrança, principalmente quando a gente joga em um grande clube. Estou preparado para isso. Não sinto o peso da idade, foram três anos depois que voltei dos Emirados Árabes que tenho jogado em alto nível e chego aqui em plena forma. O ano passado não foi como eu esperava por forças maiores que não pude controlar, uma caxumba no início do ano e, depois, uma pneumonia, o que me fez perder toda a pré-temporada. Mas, do meio do ano até o final, fiz uma excelente temporada, fiz gols importantes, joguei todos os jogos e não sofri nenhuma lesão muscular. Sempre fui um atleta na minha carreira e, por isso, tenho jogado em alto nível com a idade que tenho. Isso respalda e acho que isso deu confiança ao presidente Sérgio e ao Gallo”, comentou Ricardo Oliveira.

O centroavante acredita que sua vinda para o Atlético não foi por acaso porque, além das tentativas anteriores do clube para contratá-lo, o técnico Oswaldo de Oliveira foi o treinador que deu a ele a primeira oportunidade na carreira.

“Ele foi o primeiro treinador que me deu oportunidade quando eu ainda estava nos juniores do Corinthians. Ele me colocou para jogar nos aspirantes, depois assumiu o profissional e, quando ele foi me buscar para me inserir na equipe profissional, o Corinthians já havia me dispensado. Então, para mim, estar aqui trabalhando com o Oswaldo é motivo de muita alegria para mim. Espero que este ano seja de grandes conquistas para a gente, para o nosso torcedor, e poder fazer parte desse elenco e vestir essa camisa é uma honra e uma grande alegria”, afirmou.

Ficha do Atleta

Nome completo: Ricardo José Dognella Lima de Oliveira
Posição: atacante
Data de nascimento: 6/5/1980
Naturalidade: São Paulo-SP

Clubes

2000-2002: Portuguesa
2003: Santos
2003-2004: Valencia
2004-2006: Betis
2006: São Paulo
2006-2007: Milan
2007-2009: Zaragoza
2009: Betis
2009-2014: Al-Jazira
2010: São Paulo
2014-2015: Al Wasl
2015-2017: Santos
2018: ATLÉTICO

Títulos

Campeonato Espanhol: 2003-04
Copa da UEFA: 2003-04
Copa del Rey: 2004-05
Campeonato Brasileiro: 2006
Liga dos Campeões da UEFA: 2006-07
Etisalat Emirates Cup: 2009-10
UAE League: 2010-11
UAE President Cup: 2010-11, 2011-12
Campeonato Paulista: 2015, 2016

Seleção Brasileira

Copa América: 2004
Copa das Confederações: 2005

Artilharias

Liga dos Campeões da AFC: 2012 (12 gols)
Copa Libertadores da América: 2003 (9 gols)
Campeonato Brasileiro de Futebol: 2015 (20 gols)
Campeonato Paulista: 2015 (11 gols)

Prêmios individuais

Troféu Armando Nogueira elenco do Campeonato Brasileiro em 2010
Craque do Campeonato Paulista de 2015
Seleção do Campeonato Paulista de 2015
Bola de Prata: 2015
Chuteira de Ouro da Revista Placar: 2015
Prêmio Craque do Brasileirão: 2015 (atacante e artilharia)
Com site do Atlético-MG

PUBLICIDADE
Don`t copy text!