Parceria entre PBH e Copasa na recuperação de áreas degradadas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), em parceria com a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), iniciou na quinta-feira (02) o plantio de 5.000 mudas de espécies nativas do Cerrado e da Mata Atlântica, na Serra do Engenho Nogueira, Regional Pampulha (Parque Engenho Nogueira fica na Rua Professor José Vieira de Mendonça, 770 – Engenho Nogueira).

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

As mudas doadas pela Copasa serão plantadas para a recuperação de cursos d’água da Bacia da Pampulha. A ação se insere no Programa Pró Mananciais, da Copasa, e no Projeto Montes Verdes, da Prefeitura de Belo Horizonte. O programa, lançado pela companhia em dezembro de 2016, já plantou diversas mudas no interior do estado. Em Belo Horizonte, será o primeiro plantio de mudas de árvores para recuperação de áreas degradadas.

A Copasa vem implementando ações de proteção e preservação ambiental para recuperar os recursos naturais das bacias hidrográficas sujeitas à exploração para o abastecimento público. O Pró Mananciais atende às novas diretrizes da Copasa e fundamenta-se em programas anteriores, nas legislações, nos documentos nacionais e estaduais e no Programa “Cultivando Água Boa” do Estado de Minas Gerais.

O Pró Mananciais tem em sua concepção a cultura de sustentabilidade; ações de sensibilização, mobilização e de educação ambiental; a valorização dos saberes e crenças das comunidades; o estímulo à mudança de hábitos e costumes; a ética do cuidado; a construção coletiva do sentimento de pertencimento à microbacia hidrográfica e a responsabilidade compartilhada.

O programa traz em seu nome a ideia da prevenção, do antecipar ações no cuidado, na proteção e na recuperação das águas desde a sua nascente. “O programa vai além de cumprir as obrigações legais, pois é uma ferramenta que contribuirá em muito na recuperação e manutenção dos mananciais e no aprimoramento da relação com as comunidades onde a Copasa presta serviço”, afirma o assessor técnico da presidência, João Bosco Senra.

O secretário de Meio Ambiente de Belo Horizonte, Mário Werneck, comemora a parceria entre os órgãos municipal e estadual. “As parcerias com instituições como a Copasa, aliadas às ações proativas desenvolvidas na Secretaria de Meio Ambiente, mostram o grande potencial de melhorar substancialmente as condições ambientais da cidade, e tornar a capital, de fato, cada vez mais verde”, destaca Mário Werneck.

“O trabalho conjunto com a Copasa para recuperação de áreas no Parque Serra do Engenho fortalece a relação da empresa com o município e abre caminho para o desenvolvimento de outros projetos na cidade” ressalta o superintendente de Meio Ambiente da Copasa, Nelson Guimarães. Com Agência Minas

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!